Master: Intl. Business Law x Intl. Trade and Investment Law

advogado-confuso1483618175 (1)

Bonjour, meu povo!

Eu recentemente tenho sido contatada por várias pessoas que estão interessadas na universidade que estou cursando meu master e sobre o curso…

Eu já fiz um post no passado sobre a minha visão inicial de ambos os cursos: “Sobre o Master: International Trade & Investment Law”; e minha confusão na hora da escolha. Hahahaha

Agora que estou com os meus pezinhos quase no fim do curso, me sinto mais confortável em escrever sobre o assunto com mais propriedade e segurança.

<

p style=”text-align:justify;”>Por mais que eu esteja fazendo M2, eu fiz amizade com muita gente do M1 (International Business Law) e ouvi vários relatos e vi muito do que eles passaram e ainda passam com o curso.
Parênteses: GENTE, a cara que as pessoas fazem quando vc fala o que você estuda, seja em inglês ou em francês – que se fala “Droit International des Affaires et des Investissements” – é aquela cara de “MERMÃÃÃÃO… Sucesso, hein?!” :O e eu sempre tenho que me segurar para não rir. Então se você aí que me lê pretende fazer este curso, já vá ensaiando sua poker face!

Vou falar um pouco de preços para o ano de 2017… Não vou falar sobre o processo de candidatura, pois eu já tenho um post específico sobre isso aqui no blog (clique aqui). Caso você ainda queira se candidatar, as inscrições estão abertas e vão até 30/06! Então ainda dá tempo!!!!! O valor da candidatura é de 50 euros.

Já falei em posts anteriores que para se candidatar, também é importante ver para qual nível (M1 ou M2) você é elegível!!!!

Bom, vamos começar do começo. Esse post já vai tratar os masters como se você já soubesse sobre o sistema de ensino na França. Se você ainda não souber, neste post aqui, eu falo brevemente e dou muitas sugestões de blogs que explicam direitinho.

M1 EM INTERNATIONAL BUSINESS LAW na Université Catholique de Lyon

Tudo que vou falar aqui é o que me falam, ok?! 

<

p style=”text-align:justify;”>É um curso que é bem focado na parte legal empresarial como um todo. Você aprende de tudo um pouco, mesmo. Então, se você quiser ter uma visão de tudo, é uma boa escolha, porque você aprende a parte prática de como ter a habilidade necessária para operar em empresas, você aprende também a parte tributária, contratos, parte de ética e coisas específicas também, como: falência, direito cibernético, propriedade intelectual e como lidar, trabalhar com essas áreas.
Há também a possibilidade de obter uma certificação dupla em universidades no Reino Unido ou nos EUA. Nestes casos, você passa um semestre em Lyon e no segundo semestre você vai para um destes países e a grade é um pouco diferente.
No fim do curso você tem o diploma da UCLy que conterá todos os cursos que você fez e, caso você faça também o segundo semestre em Lyon, terá as notas e um diploma da Lyon 2 (eles fizeram um acordo recentemente) que terá somente as matérias consideradas obrigatórias como suas notas no diploma e o que foi considerado como optativa, será colocado à parte, diferente do diploma da UCLy que terá todas as notas de todas as matérias como obrigatórias.
O curso é de período integral, então você tem muitas aulas e praticamente todos os dias. Geralmente advogados ou formados em Direito fazem este cursos, mas outras áreas de humanas também podem ser admitidas (como ciências política, por exemplo).

<

p style=”text-align:justify;”>O que vi da vida:
DIZEM que o M1 é uma extensão do Bach. Que você ainda é meio tratado como um universitário de graduação. Então, você tem muitas tarefas para casa, muitas tarefas durante a aula, esperam muito que você faça as coisas sob a supervisão do professor (ali em sala) ou para entregar o quanto antes, trabalhos para apresentar e uma série de exigências como estas. A grade é muito boa e é muito bom para ter uma visão bem ampla e engrandecedora e especialmente para quem não é membro da UE, tem uma visão sobre a UE que você nunca vai ter fazendo o mesmo curso em qualquer outro lugar do mundo. Tem bastante teoria, mas não tanta visão prática dos assuntos abordados, comparado a um M2. Então, vai muito de você e dos seus planos profissionais. Se você almeja este tipo de conhecimento e não tem a intenção de fazer M2 (por inúmeras razões) e acha que precisa de alguém ali em cima para garantir que você cumpra com as suas obrigações, é uma boa pedida. Tem MUITO trabalho e muita pesquisa. A frase que mais escuto do pessoal do M1 é “It’s very demanding!!!” Então se você procura este tipo de desafio, bon courage!

Caso você tenha a intenção de ficar na França e arrumar um emprego etc., você terá que obrigatoriamente fazer o M2.

Para mais informações, o site da universidade explica tudo bonitinho e em inglês e tem a grade de matérias também!

<

p style=”text-align:justify;”>
M2 EM INTERNATIONAL TRADE AND INVESTMENT LAW na Université Catholique de Lyon

<

p style=”text-align:justify;”>O ano de 2016 foi o primeiro ano em que o curso de fato foi reconhecido pelo Ministério da Educação Francesa como um Master 2.
O curso é de período integral (conforme sistema francês), ou seja, tem vezes em que você tem aula das 8 da manhã às 6 da tarde, por vezes que você tem aula 4x na semana somente no período da manhã e também tem vezes que você não tem aula nenhuma dia da semana (que costumo chamar de férias não oficiais). Então, devido à essa instabilidade de cronograma de aulas é bem difícil de conseguir conciliar um trabalho, pois dificilmente um empregador vai querer alguém que não vá sempre no mesmo horário ou que não esteja sempre à disposição. PORÉM, existem alguns trabalhos de final de semana por aqui ou tipo freelancer, caso precise (essa indisponibilidade vale para o M1 também).

O curso é focado na legislação do comércio e/ou negócio internacional. Então, o curso é focado em todos os acordos internacionais que permeiam as negociações e os comércios internacionais, bem como a parte tributária e aduaneira destas transações. Além de ensinamentos de professores da UE, você também aprende toda essa parte de negócios, transações na China, Índia e especialmente nos EUA.

Da mesma forma que o M1, tem a possibilidade de dupla graduação (com possibilidade de fazer o exame da ordem nos EUA), obter o certificado pela Lyon 2, caso opte por fazer os 2 semestres em Lyon e outras formações além de Direito são aceitas.

<

p style=”text-align:justify;”>O que vi da vida:
É um curso em que ele é mais “livre”. Vou explicar mellhor, muitas das aulas é dado um material antes para você se preparar para a aula e poucos exames são feitos em sala de aula. Geralmente temos o chamado “take home exams”, que no máximo uma semana após a aula, o professor envia o tema ou questão a ser abrodada e temos que ter um posicionamento e fundamentá-la em um prazo de uma semana, na maioria dos casos. Esses exames são como mini-dissertações. 

Então, somos mais livres, não temos tanta cobrança dentro da sala de aula, mas sim fora. Ah, e as aulas são bem práticas. Os professores comparam  frequentemente os conceitos dados em aula com casos que eles tiveram, inclusive algumas das questões dos nossos exams são relacionadas à casos reais que eles mesmo tiveram que resolver. Temos que ter muita auto-disciplina!!!! Mas por outro lado, é muito bom, por exemplo, voltei a ter aula essa semana e não tinha aula desde o dia 10 de abril. Tudo bem que eu tive um matéria bem exigente para escrever sobre neste meio tempo, mas eu gosto dessa coisa de deixar a responsabildade no meu colo e eu que arque e administre da melhor forma. E quanto ao ensinamento, eu tenho 4 anos de experiência nessa área e pra mim foi muito válido. Aprendi coisas que não imaginavam que existiam! Tiveram algumas coisas que eu já sabia também, mas foi bom aprender de um ponto de vista acadêmico.

Para mais informações, o site da universidade explica tudo bonitinho em inglês.

Por fim, ainda tem um curso de verão na Alemanha de 3 semanas. Esse ano o curso custa 4 mil euros. A hospedagem e alimentação são à parte. No site diz que há a possibilidade de 2 alunos irem de graça (sem pagar pelo curso). Eu ainda não ouvi ninguém dizer que está indo de graça. Alguns amigos meus vão e todos disseram que pagaram. Mas ainda estão na fase de tratativas, então não sei ao certo como será.

Agora só para resumir ISSO TUDO que eu disse em uma tabelinha simples e inesquecível (com algumas infos adicionais):

INTL. TRADE & INVESTMENT LAW INTL. BUSINESS LAW
Período integral Período integral
Negócios Internacionais e Legislação pertinente Direito Empresarial
Certificado pela Université Lyon 2 e pela UCLy Certificado pela Université Lyon 2 e pela UCLy
Possibilidade de dupla certificação pela:

– Saint John`s University (NY)

 

 

Possibilidade de dupla certificação pela:

– NUI Maynooth Law School(USA)

– City of London University (UK)

– Widener Law School (USA)

Estágio e/ou dissertação OBRIGATÓRIO Estágio e/ou dissertação FACULTATIVO
Preços:

Dois semestres em Lyon:

– Europeu: 7.000

– Não Europeu: 9.000

 

Um semestre em Lyon e um em NY:

18.000 (europeu e não europeu)

 

 

 

 

 

 

Preços:

Dois semestres em Lyon:

– Europeu: 7.000 €

– Não Europeu: 9.000 €

 

Um semestre em Lyon e um em Londres:

– Europeu: 13.500 €

– Não Europeu: 18.000 €

 

Um semestre em Lyon e um nos EUA:

– Europeu: 8.000 €

– Não Europeu: 12.500 €

 

 

Valores referentes ao ano de 2017 de acordo com o site da universidade.


OBSERVAÇÕES:

  1. Ser europeu ou não europeu vale para pessoas com dupla cidadania! Quem tem a dupla cidadania europeia pode pagar o valor de europeu!
  2. O estágio e a dissertação para o M1 é facultativo, enquanto para o M2 é obrigatório. Porém, essa obrigatoriedade te dá uma opção: você é obrigado a optar fazer OU a dissertação OU o estágio. Não é proibido fazer os dois se quiser, mas ninguém aconselha e não há conhecimento de loucos alguém que tenha optado por fazer ambos.
  3. Estes valores são referentes apenas ao curso! Vôo, hospedagem, alimentação etc etc etc, são custos à parte e não inclusos no valor acima.

VISÃO DA UNIVERSIDADE COMO UM TODO:

<

p style=”text-align:justify;”>A universidade é uma MÃE! Pra quem está receoso, com medos e anseios… Diferentemente das universidades públicas da França, a UCLy é extremamente atenciosa! Desde um professor que mora nos EUA à Diretora do curso, são extremamente acessíveis, gentis e atenciosos. Passei por alguns acontecimentos aqui, no qual tive que recorrer à eles, e não tenho do reclamar. Sempre respondem super rápido e de forma solícita. Vou contar brevemente uma história que aconteceu comigo no ano passado:
Eu estava esperando por correio os meus cartões de crédito que viriam do Brasil, pois os meus expiraram. Na minha residência cada morador tem sua caixa de correios, mas se por algum motivo sua encomenda for maior do que a sua caixinha, eles não recebem e devolvem para o correio e o correio emite uma carta te dizendo que você tem 15 dias para retirar a sua carta senão ela volta para o local de origem. Muito bem, sabe-se lá porque não recebi a carta dos meus cartões. Minha mãe havia confirmado há muito tempo que havia enviado e quando chega aqui na Europa não é mais possível rastrear. Sei que resolvi ir na agência central de correios perguntar com o código que a minha mãe me deu do Brasil se eles haviam recebido ou alguma agência de Lyon. E ele disseram que a carta estava retornando para o Brasil, havia sido reemitida 4 dias antes de eu ter ido lá e questionaram se eu não havia recebido a carta deles. Não sei de quem foi a culpa, os correios aqui têm fama de falar que foram e fizeram a parte deles, sendo que não fizeram e a residência a mesma “política”. Sei que estava sem cartões e precisava pagar N coisas de fim de ano, pois viajei e gosto de ter um “bakcup” se necessário em caso de emergência. Fui na secretaria da residência indagar se eles haviam recebido e falei de todas as implicações que isso me acarretava e que se fosse outra pessoa poderia inclusive ter acontecido algo pior e tal. A resposta que tive da secretária foi: “E?!?!?!?! Isso não é problema meu.”
Sem saber o que fazer, recorri à mãe universidade contando o que havia ocorrido. A coordenadora de mestrado foi uma fofa, super acolhedora e disse que levaria o assunto adiante. A DIRETORA da universidade ligou na residência e mandou um e-mail formal rasgando o verbo!!! E assim, o que A UNIVERSIDADE tinha a ver com isso?! Esperava e gostaria que eles tomassem alguma atitude, mas não que comprassem a briga por mim.
Agora a residência tem uma caixa na recepção que é onde eles guardam algumas cartas que eles recebem do correio não cabem na nossa caixinha, mas que também não é gigante. Se agora conseguimos esse avanço, foi graças à mim, ou melhor, o barraco que diretora fez! Hahaha

A história tem MUITO mais detalhes que isso, mas eu SUPER resumi para não ficar um post gigante! Mas só digo isso: eles são, brother! Hahahahahaha

Legal né?! Galera que está / estava em dúvida, espero que tenha ajudado.

Não esqueçam que além das bolsas de estudos dadas pelo governo, a própria universidade tem uma possibilidade de redução do valor do curso!! Ela é cumulativa com as bolsas dadas pelo governo e a redução do curso pode chegar até 100% da bolsa (foi nessa circunstância que consegui a minha bolsa, direto pela universidade). No site também tem maiores informações sobre isso.

Post longo, porém necessário. Hahahahahaha

Bonne chance! 😉

Bisous à tous!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s